top of page

Avaliação da Política de Parques Tecnológicos


Patricia Alencar Silva Mello avalia as condições para uma política pública estratégica dos Parques Tecnológicos que possam promover o desenvolvimento local, global e inclusivo das regiões que os recepcionam.


Em “Avaliação da Política de Parques Tecnológicos”, apresentada à EAESP-FGV, Mello elucida o papel dos ambientes de inovação, como os Parques Tecnológicos, pelo efeito “local buzz and global pipelines”, a rede dos atores regionais locais que se formam e se conectam com as redes de produção global para a criação de valor; e a formação de “gateway cities”, cidades intermediárias como potenciais articuladores dessas redes globais complexas.


Patricia Mello elege o Parque Tecnológico de São José dos Campos como objeto de estudo baseado em métodos mistos. Ancorado no histórico de vários acoplamentos estratégicos, como as iniciativas estatais do Centro Tecnológico Aeronáutico, a presença da Embraer e outras grandes empresas e a formação de recursos humanos pelos diversos campi universitários, o advento do Parque Tecnológico proporcionou uma porta de acesso de novos atores à economia global e de atores locais às redes globais de produção.



Comments


bottom of page